Paciência, flor

8 jan

144580279     Paciência, flor. Sua vida não vai ser tirada por causa de uma tempestade forte. Sua vida também não será perfeita e você será feliz para sempre por causa daquele lindo dia de sol. A tempestade te deixa murcha mesmo, dá aquela apagada no brilho, na própria vida. Mas sol demais desidrata, sabia?

Não se renda a tempestade. Ela passa. Muito menos se entregue e faça promessas nos dias de sol, pois nem todo dia ele sai. Transforma a tristeza em força pra continuar e a felicidade em sorriso pra compartilhar os momentos bons!

Chora, flor. Chora até não aguentar mais e essa vontade passar. Mas também sorria. Sorria até as bochechas doerem, pois sorrir é cura pra alma! E tenha paciência, flor. Não esqueça que tudo passa, até essa sua tristeza que parece interminável.

E o que tem que chegar, uma hora chega. Vem a calmaria. O conforto. O alívio. O equilíbrio entre a tempestade e o sol escaldante. E com essa sensação boa, eu posso me sentir viva, humana. E ao mesmo tempo, simples e singela: como a tal flor.

Anúncios

2 Respostas to “Paciência, flor”

  1. Giovanna 8 de janeiro de 2013 às 10:13 PM #

    Seria ironia demais perguntar sobre a tal flor, ne… Ai ai!
    Adorei o texto repleto da força que a tempestade nos dá (= beijitos, Nana!

    • Mariana Figueirêdo 9 de janeiro de 2013 às 7:52 PM #

      Com certeza esse texto é uma prova da força que a tempestado nos dá. Só depois dela vem o arco-íris e o sol novamente! Beijos, Gika!

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: